segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

LUTO:Morre mais um ícone da segurança pública de Minas e do Brasil.





Nota de Pesar
 
Faleceu ontem o Dr. José Rezende de Andrade, Delegado Geral de Polícia, ex- Secretário de Segurança Pública em Minas Gerais, ultimamente desempenhava a função de Presidente do Conselho da Fundação Felício Rocho. Foi Deputado Federal por mandatos pelo partido Trabalhista Brasileiro – PTB.

A direção do Sindpol/MG tem na pessoa do ilustre filiado e grande chefe Dr. José Rezende de Andrade, motivo de grande orgulho e veneração pela forma dedicada e apaixonada com que o mesmo viveu e fez segurança pública, estadista, sério, honrado, honesto e apaixonado pelo direito, segurança e justiça, sempre servindo com boa vontade. Não foram poucas as vezes que o homem público, José Rezende de Andrade, ajudou a polícia civil, a segurança pública e o Sindpol/MG. Ainda no começo de nossa gestão em 2003, o mesmo na condição de diretor da Fundação Felício Rocho, intercedeu pela quitação dos débitos de aluguel em atraso do “novo sindicato”, da corporação que ele representou por mais de 40 anos. Não foram poucas vezes, que, atendendo aos pedidos da nossa entidade sindical, que o mesmo intercedeu para que policiais e/ou familiares de policiais, fossem atendidos na rede hospitalar por sua indicação.

Dr. José Rezende deixa uma lacuna difícil de ser preenchida por outro homem público de igual envergadura, valor e dedicação. Aos familiares e amigos, fica o nosso voto de consolo e condolências. Estejam em paz, pois, nosso amigo combateu o bom combate, cumpriu sua jornada e guardou a fé.

Veja a nota do Hospital Felício Rocho abaixo:



FONTE:http://www.sindpolmg.org.br/pagina/4024#.VMah6ONdW0Y

Presidente do Sindasp-SP,Grandolfo se reúne com deputado Eduardo Cunha, candidato à Presidência da Câmara, para discutir PEC 308 na segunda-feira.

     Carlos Vítolo     

Jornalista/Assessor de Imprensa do Sindasp-SP
imprensa@sindasp.org.br

® © (Direitos reservados. A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura do jornalista e do Sindasp-SP, mediante penas da lei.) 


Na próxima segunda-feira (26), o presidente do Sindasp-SP, Daniel Grandolfo, estará reunido com o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O objetivo da reunião é para discutir e pedir que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 308/04, que cria a Polícia Penal nos estados e na federação, seja colocada na Ordem do Dia para votação na Câmara Federal.

Cunha estará em visita à Sede da Força Sindical, em São Paulo, e Grandolfo irá recepcioná-lo como vice-presidente da Força/SP. O encontro tem o apoio do deputado federal Paulo Pereira (Paulinho da Força), do partido Solidariedade.

O parlamentar é líder do PMDB e candidato à Presidência da Câmara dos Deputados. Ele é apontado como o favorito na disputa. Seu principal adversário é o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP). Também está na disputa o deputado federal Júlio Delgado (PSB-MG).

FONTE:http://www.sindasp.org.br/

domingo, 25 de janeiro de 2015

Agente Penitenciário de Montes Claros é 1º Lugar na 2ª Copa Jiu jítsu - JANAÚBA/MG


O ASP Fonseca - PRMOC/MG conquista o primeiro lugar na 2 ª Copa jiu jitsu - sediada em Janaúba/MG, no entanto, ele agrade primeiro a DEUS, e compartilha a copa aos  parceiros e amigos de treino, bem como, destaca o Sergipano que é um grande amigo e sempre mestre, que no dia a dia transmite ensinamentos e ajuda aprimorar as técnica; - e finaliza numa alegria incontida a todos e a todas que torceram pela sua conquista.

MISSÃO 007 - A SUAPI-MG TEM SUBSECRETÁRIO INDICADO

Dr. Antônio de Padova Marchi Júnior assumirá a Subsecretaria de Administração Prisional de Minas Gerais


Histórico:

Possui graduação (1987), mestrado (2002) e doutorado (2013) em Ciências Penais pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professor auxiliar do Curso de Direito do UNI-BH. Professor do Curso de Pós-Graduação da Faculdade de Direito Milton Campos. Procurador de Justiça em Minas Gerais. Ex-Corregedor-Geral do Ministério Público do Estado de Minas Gerais. Ex-Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais e de Execução Penal (CAOCrim),. Membro do Conselho de Criminologia e Política Criminal do Estado de Minas Gerais (CCPC). Experiência em gestão de crise no sistema prisional e larga atuação na área criminal, com ênfase nos temas: princípios penais de garantia, lei 9.714/98, crimes hediondos, roubo, homicídio e execução penal. (Texto informado pelo autor).

Missão:

Conduzir a 2ª maior pasta do Sistema de Defesa Social, o qual está inserida a Subsecretária de Administração Prisional - SUAPI-MG; - hoje a SUAPI/MG detém 148 unidades prisionais nas 18 RISP's, com uma população carcerária de aproximadamente 60.000 (sessenta mil presos), pois, MG tem a segunda malha de presos no "ranking" do país, isto é, com a missão de assumir a carceragem que ainda está na custódia da Polícia Civil. Portanto, a realidade do sistema prisional é presídios e penitenciárias superlotadas, presídios interditados, por falta de investimento em estruturas, bem como falta d'água, instalações elétricas e hidráulicas precárias, frota de veículos sucateadas e unidades prisionais com pouca verba para gerir as demandas de atendimentos; - na consoante dos servidores operacionais, é nítida a falta de supremacia de força, entretanto, será preciso uma intervenção de combate, valorização do Agente de Segurança Prisional no cenário "SEGURANÇA PÚBLICA", apagar a imagem de primo pobre das outras forças de segurança.

Expectativa dos Agentes Prisionais:

Transição de Subsecretária para Secretaria (SUAPI) de Administração Prisional (SAP);
Que significa - Autonomia de Gestão;

Lei Orgânica do Agente Prisional de MG (ESTATUTO PRÓPRIO & PLANO DE CARREIRA ÚNICO); - Todos os quadros de chefia sejam preenchidos por Agentes Prisionais de Carreira, Poder de Polícia no âmbito prisional - inserir os Agentes Prisionais no Sistema REDS (REGISTRO DE EVENTOS DE DEFESA SOCIAL);

Reformas dos Presídios, Penitenciárias e mais construções de unidades prisionais no interior de MG, investimentos na logísticas, como EPI(EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL), - colete de balística, algema, tonfa e pistola .40. e investimento nas reformas, manutenção e aquisição de viaturas para escoltas de presos.

Alojamento digno para os servidores do Sistema Prisional, bem como academia de musculação, lazer, auditórios, sala de reuniões e "stand de tiros" nas 18 RISP's;

Concursos públicos na área anualmente para preenchimento do quadro de servidores constituídos por lei.



sábado, 24 de janeiro de 2015

Brasil dará liberdade a um dos maiores criminosos da história do país.


Um dos mais temidos e perigosos criminosos da história do país, está prestes a voltar às ruas, para desespero geral da nação. Marco Willians Herbas Camacho, é também conhecido como Marcola, e foi preso há quase trinta anos atrás por ser o grande líder de uma das maiores organizações criminosas já conhecidas, o Primeiro Comando da Capital (PCC). Marcola, que hoje tem 46 anos, é natural da cidade de Osasco - SP,  foi preso aos dezessete anos e hoje é um dos ocupantes VIPs do presídio de segurança máxima Presidente Venceslau (localizado em São Paulo).
Recentemente, a notícia de que Marcola deverá sair em breve da cadeia, tem sido alvo de muitas críticas ao sistema penitenciário brasileiro. Marcola foi condenado a quase 234 anos, porém, de acordo com a lei brasileira, o condenado só pode ficar confinado por um tempo máximo de trinta anos. Controverso? Certamente. É de conhecimento geral que, mesmo de dentro das prisões, Marcola jamais se desligou de seus esquemas criminosos, e colocá-lo de volta nas ruas significa ter a certeza de que ele voltará à ativa. 


Enquanto em países como a Indonésia, os traficantes de drogas têm como destino final o paredão de fuzilamento, no Brasil, país da impunidade, os traficantes não somente passam alguns anos "de férias" na cadeia (porque continuam com acesso à celulares, internet, têm festas, namoram, casam, têm filhos, recebem ajuda financeira do governo...), como logo são liberados para voltarem com suas atividades mais lucrativas. Assim é fácil né? Marcou bobeira, Marco Acher, devia ter ficado por aqui!


2º CURSO - EMPREGO TÁTICO DE PISTOLA - INSTRUTOR MÁRCIO CLEITON

ALEXANDRE GUERREIRO GARANTE VAGA NO CURSO DE EMPREGO TÁTICO COM PISTOLA NO MÊS DE FEVEREIRO DE 2015; - EXCLAMA QUE É IMPORTANTE NÓS OPERADORES DA SEGURANÇA PÚBLICA BUSCARMOS NO DIA A DIA O APERFEIÇOAMENTO, POIS, NÃO SABEMOS O MOMENTO QUE IREMOS CONFRONTAR COM OS INIMIGOS

As manobras serão no mês de fevereiro - 2015, O 2° curso emprego tático de pistola proporciona um curso que visa capacitar o profissional de segurança pública a utilizar das mais variadas formas a pistola semi automática.



O curso será ministrado pelo Asp Márcio Instrutor de Amamento e Tiro E Operador Tático de Pistola, Fuzil e .12 Gange.

ATENÇÃO para o calendário dos cursos SENASP 2015

-= NOTA DE UTILIDADE PÚBLICA =- MOTO FURTADA!!!

-= ATENÇÃO A TODOS =-
-= NOTA DE UTILIDADE PÚBLICA =-


MOTO FURTADA DO ASP ROGÉRIO CHAVES DA P.T.O - PENITENCIÁRIA TEÓFILO OTONI;MG

MOTO YBR VERMELHA
PLACA HIS-3868

ESSA MOTO FOI FURTADA NO SÁBADO EM FRENTE À ACADEMIA PERFORMANCE NO BAIRRO IPIRANGA EM TEÓFILO OTONI/MG, QUEM TIVER ALGUMA NOTÍCIA SOBRE O PARADEIRO DA MOTO FAVOR ENTRAR EM CONTATO COM O ASP ROGÉRIO (33)8841-3805

HERÓIS QUE FAZEM A DIFERENÇA - Criado em 2007, Grupo de Intervenção Rápida mostra eficiência em motim no presídio

Foto: Arquivo

DA REDAÇÃO – O GIR – Grupo de Intervenção Rápida do Presídio de Araguari voltou a demonstrar ótimo preparo, nesta semana, quando precisou atuar no motim ocorrido na unidade, envolvendo detentos de pelo menos sete celas.
A manifestação começou pouco depois das 22h de terça-feira. Um preso de 26 anos – que cumpre pena pela morte de um cabeleireiro, solicitou ajuda alegando ter caído da cama e que havia se lesionado. Assim, foi encaminhado para atendimento médico.
Segundo informações obtidas pela reportagem, no retorno para a cela 7, o jovem impediu que os agentes fechassem a mesma, iniciando um grande tumulto. Foram quebrados cadeados de sete celas e os presos tomaram o corredor do bloco A, sendo necessário acionar o GIR, que em poucos minutos pôs fim ao motim.
Dois detentos tiveram ferimentos superficiais e foram atendidos no Pronto-Socorro Municipal, retornando em seguida para a unidade prisional, que instaurou um procedimento interno para apurar as circunstâncias do ocorrido e avaliar possíveis danos ao patrimônio.
O Grupo de Intervenção Rápida iniciou suas atividades em Araguari em 2007, depois de um projeto apresentado à Direção do Presídio de Araguari, que abraçou a ideia. Atualmente, o GIR é composto por 12 agentes e tem o comando do agente prisional Rosivaldo Lima.

Agentes Penitenciários de Juiz de Fora estudam realizar grande manifestação pela falta de atendimento médico

 

Agentes Penitenciários de juiz de Fora, estudam a realização de uma grande manifestação em repúdio pela falta de atendimento médico de urgência e emergência nos hospitais conveniados ao IPSEMG em Juiz de Fora.
 Os hospitais conveniados não estão atendendo os servidores estaduais por falta de pagamento, mas os descontos em folha de pagamentos estão em dia, e também houve aumento na arrecadação com os descontos de dependentes e co participação nas consultas e exames realizados pelos servidores e dependentes.
 Os Agentes Penitenciários de Juiz de Fora, também pedem um novo convênio com outro hospital, que possa atender outras especialidades, pois o atual hospital conveniado só presta serviço de clinico geral no atendimento de urgência 24hs.
  
Blog dos Agentes Penitenciários de juiz de Fora