sábado, 3 de fevereiro de 2018

SINDICATOS ALINHAM AÇÕES DE MOBILIZAÇÃO PELA RECUPERAÇÃO DO IPSEMG


Os Diretores do SINDASP-MG, Anita Tocafundo e Luiz Carlos Reis, participaram da reunião da Coordenação Intersindical, na tarde de ontem (01.02), que debateu a situação caótica do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (IPSEMG). Na ocasião, foram traçadas estratégias e ações que visam o fim da ingerência e a recuperação do IPSEMG, dando continuidade à discussão da reunião realizada com Diretor de Saúde do IPSEMG, Dr. José Luiz de Almeida Cruz e o Assessor Chefe da APRES, Assessoria de Políticas e Regulação em Saúde, Dr. Cristiano Gonzaga da Matta Machado no último dia 30.01.
Os presentes expuseram os inúmeros problemas que vêm enfrentando com a atual gestão do IPSEMG e com a falta de repasses do Governo. Na oportunidade, o Coordenador da Intersindical Geraldo Henrique anunciou que acabava de receber a informação de que o hospital de Montes Claros também havia sido descredenciado juntando-se aos inúmeros outros que foram descredenciados recentemente, como o Hospital Luxenburgo e os de Uberlândia.
Este é o reflexo da falta de pagamento por parte do Governo aos prestadores de serviços (hospitais não recebem há três meses, enquanto clínicas e laboratórios não recebem há quatro meses). Em reunião anterior, a Diretoria do IPSEMG informou que os recursos não são gerenciados pelo Instituto desde que foi transferido para o Caixa Único do Estado.
Outra questão levantada pela Presidente do Sisipsemg, Maria Abadia, foi a recente criação de cargos no IPSEMG, publicados no dia 15 de janeiro. Para ela, esta é mais uma ação contraditória à crise financeira alegada pela gestão do IPSEMG. Os Sindicatos pedem também transparência nas contas do IPSEMG, pois está claro que a direção não tem mais controle sobre o dinheiro. Além disso, pedem a saída do atual Presidente do Instituto, Dr. Hugo Vocurca.
A Diretora do SINDASP-MG, Anita Tocafundo, se demonstrou indignada com a situação do Hospital do IPSEMG, principalmente com o Serviço Médico de Urgência – SMU e pede mais humanização nos atendimentos: “parece um cenário de guerra, pessoas em estado grave, idosos, crianças, todos nos corredores aguardando atendimento. Alguns ainda têm que dormir no local, passam 24, 48, 72 horas nos corredores para não perderem seus lugares na fila de atendimento. Isso é lamentável já que há vários leitos vazios, mas os atendimentos são demorados por falta de pessoal”.
As ações deliberadas em reunião anterior foram reiteradas e somadas a novas ações.
Foram determinadas as seguintes deliberações:
- Solicitar uma reunião, em nome de todos os Conselheiros do IPSEMG, exigindo a participação do Presidente o IPSEMG;
- Reunião – já agendada – no dia 07.02 (quarta-feira) com os Deputados da oposição na ALMG;
- Manifestação na porta do Hospital do IPSEMG agendada para o dia 20 de fevereiro (com panfletos, faixas e barracas);
- Confecção de uma Carta Aberta para expor a falta de gestão do IPSEMG aos usuários;
- Convocar a mídia e expor a falta de gestão do IPSEMG também à população em geral.
FONTE: SINDASP/MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.