quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

DATAS PARA OS PAGAMENTOS ATRASADOS DOS SERVIDORES DO SISTEMA PRISIONAL DEVERÃO SER ESTABELECIDAS NA PRÓXIMA SEXTA-FEIRA

17 JAN 2018

O SINDASP-MG, representado pelo Presidente do Adeilton Rocha, o Vice-presidente Wanderson Costa, o Diretor Everaldo Márcio e o Delegado Sindical Albert Reis, esteve reunido com o Secretário da SEPLAG Helvécio Magalhães, o Ouvidor-geral do Estado Wadson Ribeiro e o Assessor de Relações Sindicais Carlos Calazans. A reunião teve o intuito de cobrar demandas estagnadas há tempos na pasta, como é o caso dos pagamentos em atraso e o andamento do projeto de Lei Orgânica.
Adeilton apresentou as pautas em questão e enfatizou a demora de respostas da SEPLAG quanto a estas demandas da categoria e tantas outras que foram levadas ao longo desta gestão. Segundo o Presidente do SINDASP-MG, os pagamentos das diferenças salariais, benefícios e vantagens devidos aos servidores do Sistema Prisional, como quinquênios, promoções, progressões e adicional de produtividade já têm sido cobrados há tempos pela entidade de classe, conforme foi apresentado em ofício datado em 21 de fevereiro do ano passado.
Além disso, o Vice-presidente Wanderson ressaltou que, desrespeitando o tratamento isonômico entre as forças de Segurança Pública, o Governo já pagou os atrasados aos servidores da Polícia Militar e da Polícia Civil, cujos valores são, pelo menos, o triplo do devido aos servidores do Sistema Prisional.
O Secretário assumiu que esta foi uma falha do Governo e não soube explicar porque do Sistema Prisional não ter entrado nos pagamentos dos atrasados dos demais Servidores da Segurança Pública. Dr. Helvécio informou que estes pagamentos fazem parte da pauta da próxima reunião da Câmara de Orçamento e Finanças – COF, agendada para o dia 30 deste mês. Mas, devido à dívida que o Estado tem tido com os servidores do Sistema Prisional, o Secretário da SEPLAG se comprometeu então a levar esta cobrança ao Secretário de Fazenda, Francisco Bicalho, ainda amanhã e a dar um retorno à categoria até sexta-feira (19.01) sobre as datas de pagamento.
Quanto ao projeto de Lei Orgânica, o Secretário também reconheceu que esta é uma outra dívida que o Governo tem para com os Agentes e que irá agendar uma reunião interna para retomar o andamento até na próxima sexta-feira e que, dentro de 10 dias, dará uma posição para dar encaminhamento à ALMG. Lembrando, que o projeto que se encontra na SEPLAG não é o que foi acordado com o SINDASP-MG e que o Sindicato irá brigar para que seja readequado às demandas dos Agentes assim que chegar na Assembleia.
Adeilton também ressaltou a situação que tem sido vivenciada pelos Agentes Penitenciários com unidades superlotadas e déficit de Agentes e aproveitou a ocasião para cobrar a abertura de um novo concurso público. “Apesar da decisão do TJMG de prorrogar os contratos por mais três anos, a abertura de um concurso público é demandas urgente, pois este é o tempo médio de duração de um concurso para Agente Penitenciário. Se não for aberto agora, os contratos renovados vão acabar e o problema do déficit de agentes irá se agravar”, afirmou Adeilton.
O Secretário concordou com todas as demandas, assumindo a responsabilidade do Governo diante da demora de soluções para as questões do Sistema Prisional e se comprometeu a dar andamento a tudo que foi levado pelos representantes do SINDASP-MG.
FONTE: SINDASP MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.