quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Preso usa corda feita com lençol e cobertor para fugir de leito de isolamento de hospital em Juiz de Fora

Homem estava no 3º andar do prédio e saiu pela janela; caso foi registrado pela PM nesta quinta (7). Prefeitura, responsável pela unidade, disse que detento era escoltado por agentes e que responsabilidade pelos acautelados em tratamento é do Estado. Seap informou que detento estava no Ceresp desde maio e que vai instaurar investigação interna.

Preso usou corda improvisada para fugir pela janela nos fundos do HPS na noite de quarta-feira (6) (Foto: Reprodução / TV Integração)

Um preso de 32 anos usou uma corda feita com lençol e cobertores para fugir de um leito de isolamento do Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Juiz de Fora. O caso foi registrado pela Polícia Militar (PM) na madrugada desta quinta-feira (7). Um agente penitenciário contou aos policiais que o preso alegava ser soropositivo e disse que tinha interrompido um tratamento para tuberculose.
A Secretaria de Saúde da Prefeitura, responsável pela unidade, informou que o paciente deu entrada na segunda-feira (4) para avaliação médica e, na quarta-feira (6), foi encaminhado para o 3º andar, onde estava sob escolta de agentes penitenciários. A pasta ressaltou que "a responsabilidade pelos acautelados em tratamento em qualquer unidade de saúde é do Estado", conforme nota.
A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) informou que o detento estava no Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) de Juiz de Fora desde o dia 21 de maio deste ano, quando foi internado por determinação judicial. Depois da fuga desta quinta, a pasta registrou a ocorrência, acionou a perícia para investigar as circunstâncias e vai também instaurar uma investigação preliminar no âmbito Sistema Prisional.
No Boletim de Ocorrências (BO) da PM, consta que o homem estava em observação no 1º andar e foi encaminhado para um leito no 3º andar, na cela de segurança prisional hospitalar. Cerca de 50 minutos mais tarde, foi determinado que ele fosse encaminhado ao setor de isolamento.
Por volta de 23h30 desta quarta, foi ouvido um barulho na área externa, nos fundos do hospital, e então foi descoberta a fuga do autor pela janela do quarto, usando uma corda feita com lençol e dois cobertores para alcançar a marquise.
Depois disso, ele chegou até a rua e fugiu. Houve rastreamento na região, mas o homem ainda não foi localizado. O caso será encaminhado para investigação na Polícia Civil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.