quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Flagrado furtando moto, menor é morto a tiro por agente em Patos de Minas

O SAMU foi acionado, mas chegou no local o menor já estava sem vida.




A morte do garoto aconteceu na tarde desta quarta-feira (16) em Patos de Minas. O adolescente, Paulo Ricardo Ferreira Rocha, 15 anos, teria furtado uma motocicleta que estava estacionada na porta da casa de um agente penitenciário e acabou sendo atingido por um único disparo. O SAMU chegou a ir até o local, mas o menor não resistiu e faleceu.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, o funcionário de uma empresa que trabalha com a instalação de piscinas foi até a casa do agente penitenciário para fazer um orçamento e deixou a Yamaha/YBR em frente à residência. O adolescente passou pelo local, montou na moto e saiu.
O funcionário da empresa flagrou o furto, gritou e teria chegado a correr atrás do garoto, mas um volume na cintura do adolescente fez presumir que ele estava armado e o agente acabou disparando. O único disparo efetuado pelo agente, que possui porte de arma de fogo, acertou as costas da vítima.
Paulo caiu ali mesmo, a cerca de 50 metros de onde havia furtado a moto. O SAMU foi acionado e chegou a encontrar o garoto com vida, mas ele não resistiu ao ferimento e veio a falecer. A perícia técnica da Polícia Civil esteve no local para analisar tudo o que aconteceu. A única cápsula da pistola foi recolhida pelos policiais.
O funcionário que estava na moto acompanhou todo o trabalho, mas preferiu não comentar o caso. O agente foi levado para a delegacia para ser ouvido pela autoridade policial. Caso a autoridade competente vislumbre que houve excludente de ilicitude na ação do agente, ele será liberado para responder o processo em liberdade.
O garoto possuía outras passagens policiais. Em outra ocorrência, também de furto de motocicleta, o garoto foi apreendido logo após os policiais encontrarem na casa dele um chinelo igual ao que ele havia deixado em via pública ao perder o controle da moto e sair se arrastando pelo asfalto. Nesse dia, ele também não havia conseguido ficar com a moto. 
Fonte: PATOS HOJE

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.