quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Concurso de agente penitenciário é suspenso por suspeita de fraude


Quatro são presos pelo greco suspeitos de fraudar concurso da Sejus (Foto: Fernando Brito/G1)

Quatro são presos pelo greco suspeitos de fraudar
concurso da Sejus (Foto: Fernando Brito/G1)


O concurso para agente penitenciário do Piauí foi suspenso nesta quarta-feira (5) pela secretaria de estado de Justiça. Em nota para a imprensa, a Sejus informou que o certame está suspenso até a conclusão das investigações policiais que averiguam a tentativa de fraude durante a aplicação das provas.

No dia 19 de setembro, um advogado e mais três pessoas foram presas suspeitas de envolvimento no esquema fraudulento. Por conta da operação policial, o Ministério Público do Piauí recomendou a anulação do concurso afirmando que a distribuição ou venda de gabaritos das provas representa uma violação ao princípio de moralidade, que torna o certame imprestável à sua finalidade.

Além da anulação do concurso, o MP recomendou  a devolução do dinheiro da taxa de inscrição para todos os candidatos que participaram do certame e orienta ainda que sejam tomadas providências para realização de um novo concurso.

A suspensão ocorre na data em que o edital Sejus Nº 001/2016 previa a divulgação do resultado da prova escrita objetiva e dos candidatos classificados para a prova escrita dissertativa. Com isso, todo o cronograma previsto fica comprometido.

Concurso
Mais de sete mil pessoas participaram do concurso que prevê a classificação de 400 candidatos para o cargo de agente penitenciário com remuneração bruta em R$ 5.966,14. O concurso prevê ainda que os 75 primeiros classificados serão chamados de forma imediata.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.