sábado, 24 de setembro de 2016

Arcebispo Dom Walmor Oliveira celebra missa para presos de Ribeirão das Neves

Créditos: Luís Fernando

O arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidiu uma missa nesta quinta-feira, 22.09, para aproximadamente 80 presos e 30 funcionários do Presídio Antônio Dutra Ladeira, em Ribeirão das Neves, Território Metropolitano.
Acompanhado pelo pároco José Geraldo de Sousa, que atua no município, além de diáconos e seminaristas, dom Walmor Oliveira celebrou o Jubileu extraordinário da misericórdia da Igreja Católica. A abertura foi na porta da capela do presídio, com continuação no auditório.
Dom Walmor Oliveira afirma que a Igreja Católica, por meio da Pastoral Carcerária de Belo Horizonte, busca assistir todas as unidades prisionais do estado. “É importante propiciar uma presença solidária e igualitária, auxiliando os presos que precisam de apoio”, diz o arcebispo.
Ano do Jubileu da misericórdia
Publicado pelo Papa Francisco em oito de abril de 2015, o ano do Jubileu da misericórdia teve início em oito de dezembro de 2015 e se concluirá no dia 20 de novembro de 2016. Com isso, o papa busca estimular o ato de misericórdia dos católicos, diante do atual cenário de violência mundial.
Assistência religiosa
Atendendo às diretrizes da Declaração Universal dos Direitos Humanos e da Lei de Execução Penal (LEP), a Secretaria de Administração Prisional (Seap) presta assistência religiosa aos presos de Minas Gerais, para que eles possam exercer suas crenças de forma livre e individualizada.
“O Estado é laico. As portas estão abertas para qualquer religião”, frisou o diretor-geral do Presídio Antônio Dutra Ladeira, Luís Fernando.
O preso L. A., de 37 anos, revela que não possui uma religião; mas busca participar de todas as celebrações religiosas que acontecem na unidade, independente da crença, porque acredita que isso lhe proporciona um conforto espiritual durante o cumprimento da pena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.