sábado, 23 de julho de 2016

MÉDICO DO SAMU É FURTADO ENQUANTO ESTAVA DE PLANTÃO NO PRÓPRIO SAMU E PEDE JUSTIÇA


Por Diana Maia
Minha foto

Na data de hoje (23) um médico do Samu, concedeu entrevista exclusiva para o Blog Jornalismo Imparcial, após ter sido furtado na data de ontem (22) dentro das instalações do  próprio Samu.
O médico ainda muito  chateado, pela situação, reportou  que na data de ontem sexta feira (22), ao iniciar mais uma jornada de trabalho no "CISRUM SAMU", teve seus pertences furtados, de dentro da  sua  mochila.

Por ser um trabalhador honrado, não acha justo que fique impune essa situação constrangedora, pois  seu material de trabalho, foi comprado com muito sacríficio, sendo um caso de Polícia.



ENTENDA O CASO
Segundo o médico, ao iniciar seu plantão logo cedo no Samu, deixou seus pertences em uma área destinada para profissionais descansarem (alojamento).E começou suas atividades rotineiras, vistoriando material de trabalho  na (USA)para depois se dirigir ao local que atende a população via fone.
Quando  se preparava para iniciar suas atividades por volta das 08h00 da manhã de ontem (22) pediu para um funcionário pegar sua mochila no alojamento, foi quando a mochila já veio meio aberta, trazida pelo funcionário.
Surpreso, indagou, se o rapaz tinha aberto sua mochila, que respondeu ao médico, que ao pegar a mochila,  já estava meio aberta.
A Polícia Militar foi chamada no local, e registrou à ocorrência, o médico também reportou que fez contato com a Polícia Civil.
Foi furtado da mochila do médico,  Estetoscópio, que em média custa de( R$:400 há R$3.400) 
Tres HDs com um tera, com todo o arquivo fotográfico dos filhos pequenos, desde o nascimento, valor que para este não tem preço, pois são lembrança únicas da sua família.
Também foi furtada uma Cãmera Digital Gol Pro Hero e um óculos de proteção de uso médico.
carteira com todos os seus documentos, cheque, cartão de crédito, cartão ticket de refeição do Samu,  CNH e CRN.
Traumatizado por ter sido uma vítima, enquanto estava trabalhando, pede ajuda para imprensa, à Polícia, para ajudarem a encontrar pelo menos os documentos pessoais.

Em contato com  Rede Urgência e Emergência Samu, por meio de sua assessoria, nos foi enviado uma nota de esclarecimento.
*O Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência do Norte de Minas – CISRUN lamenta o fato ocorrido com o profissional e esclarece que não coaduna com nenhum tipo de infração dessa natureza dentro de suas dependências.
Informa ainda que todos os procedimentos internos foram tomados, inclusive disponibilizando todos os instrumentos possíveis para identificação do infrator para a polícia civil. Sendo que já temos agendado dia e horário para início de depoimento do servidor lesado.
Em tempo, o departamento jurídico está acompanhando todo o caso e tão logo seja apurado tomará as providências cabíveis. A presidência e diretoria determinaram a abertura de procedimento de sindicância para apurar as irregularidades.


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.