sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Convênio BMG x Estado de Minas Gerais

RELATO DE UM OPERADOR DA SEGURANÇA PÚBLICA MINEIRA


"Estou perplexo! Hoje pela manhã fui ao supermercado realizar minha compra mensal de alimentos, e ao tentar efetuar o pagamento após enfrentar uma longa fila, fui surpreendido com o aviso do caixa de que o pagamento não havia sido autorizado pela operadora.

Como assim, efetuo os pagamentos das faturas sempre em dia, (até antes do prazo), tinha pelo menos R$2600,00, (dois mil e seiscentos reais), de limite disponível e a compra era de R$717,00, (setecentos e dezessete reais).
Foram efetuadas mais algumas tentativas e o resultado era o mesmo o pagamento não havia sido autorizado pela operadora, e a fila atrás de mim só aumentando com alguns clientes já insatisfeitos com a demora.
Já bastante constrangido com a situação solicitei ao gerente para passar as compras que iria ao banco sacar o valor e pagar em dinheiro, após alguns segundos de dúvida, o gerente concordou e eu fui obrigado a sair correndo até uma agência bancária sacar o dinheiro e voltar para efetuar o pagamento.
E os demais servidores do Estado de Minas Gerais, usuários dos cartões do BMG, que talvez não disponham de dinheiro em conta, já que seus salários estão atrasados, como ficariam diante desta situação, teriam que devolver seus alimentos e deixarem suas famílias passando necessidade?
Ao ligar para a central de atendimento do BMG, após um longo tempo de espera fui informado que o cartão estava bloqueado porque o convênio com o Estado de Minas Gerais havia sido suspenso.
Esta situação poderia ser evitada com um simples telefonema, email, sms ou uma publicidade nos divers meios de comunicação, pois o Governo de Minas Gerais exalta em sua publicidades que está realizando um excelente gestão visão o bem estar dos Mineiros e de seus SERVIDORES. O BMG através de seus parceiros me ligam insistentemente quase todos os dias para me oferecer empréstimos consignados ou saques promocionais do cartão de crédito.
Considero isso um abuso com o servidor/consumidor e um constrangimento que poderia ter sido evitado."
2º Sgt V

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.