sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Uma manhã de arte no Presídio de Lavras - veja fotos

Detentos mostraram talento e alguns deles chegaram a emocionar as pessoas com a sensibilidade de sua arte
Os vencedores do 1º Festival Cultural do Presídio de Lavras receberam certificado (Fotos: Jornal de Lavras)



Na manhã desta quinta-feira, dia 12, foi realizado o 1º Festival Cultural do Presídio de Lavras. O evento contou com a apresentação de 11 reeducandos, que se apresentaram para uma plateia formada de autoridades e familiares.
O Gerente de Produção do Presídio de Lavras, Rogério Rangel, foi o responsável pela apresentação do evento. Foram apresentadas peças de artesanato, música inédita, interprete musical, desenho, conto e poesia. Durante as apresentações, muitos presentes ao evento se emocionaram com a sensibilidade daqueles que hoje estão privados da liberdade.
Um dos momentos de muita emoção foi quando o reeducando Helberth Barbosa, vencedor na categoria de poesia, interpretou o poema de sua autoria "Retratos de Minha Vida", levando muitos presentes às lágrimas.
Além do poeta Helberth, se apresentaram na categoria Artesanato Miniatura de Animal, Douglas Andrade Assis; categoria Artesanato Confecção de Roupas: Allison Chaves Marcelino; categoria Artesanato Porta Objetos: Wanderley Teodoro Oliveira; categoria Artesanato Miniaturas Diversas: Vicente Guimarães Evangelista; categoria Artesanato Bijuterias: Wagner Carvalho dos Santos; categoria Artesanatos Diversos: Hugo Feitosa de Almeida; Música Inédita: Breno Gabriel Martins; Conto: Eli Anselmo Nogueira; Música Interprete: Rodolfo de Carvalho Castro, e categoria Desenho, Willians Alves Mamede.
Um dos reeducandos, Wagner Carvalho dos Santos, fez uma breve palestra que abordou o tema "a importância da leitura", ele contou que conheceu a obra do escritor Augusto Curi, que lhe foi muito útil, e que vai adotar os ensinamentos que aprendeu com o escritor na sua vida quando deixar o presídio.
De acordo com a diretora do Presídio, Flávia Kátia Silva, foram cinco meses de preparação, neste período concorreram ao evento os reeducandos atuantes na oficina de artesanato e na escola que funciona dentro da Unidade Prisional. Na escolha dos melhores trabalhos, foram considerados os reeducandos mais dedicados, com melhores trabalhos e comportamento.
Depois de cada apresentação no evento, o mestre de cerimônias, o Gerente de Produção do Presídio de Lavras, fez uma pequena entrevista com os reeducandos, eles falaram de seus planos futuros, de como se interessaram pela arte que sobressaiu no concurso e outros.
A juíza Zilda Maria Youssef Murad fez uso da palavra e se emocionou ao dizer que "não desisto de vocês". Ela disse também que quer vê-los sempre, mas fora do presídio, nas ruas andando livremente e trabalhando. Além da Juíza Zilda, estavam presentes representantes do governo municipal, do Poder Legislativo, do Corpo de Bombeiros, do 8º Batalhão, da Comissão de Direitos Humanos e Assuntos Penitenciários de Lavras, representante da Superintendente de Atendimento ao Preso, do Conselho Municipal de Segurança Pública (Consep), familiares dos reeducandos e agentes penitenciários.
Os vencedores do 1º Festival Cultural do Presídio de Lavras receberam presentes e um certificado. A diretora Flávia Kátia aproveitou a oportunidade e apresentou um projeto de eventos que pretende realizar no próximo ano.
1º Festival Cultural do Presídio de Lavras. Fotos: Jornal de Lavras - 48 fotos

www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.