sexta-feira, 6 de novembro de 2015

* Texto produzido em defesa da valorização e investimento técnico profissional na carreira do Agente Penitenciário do Estado de Minas Gerais.


O Agente Penitenciário deve ser um profissional preparado para qualquer tipo de batalha. Deverá ser um guerreiro em condições físicas, psicológicas e provido de capacitação técnica suficiente para descer ao inferno, se for preciso, e conversar com anjos, quando assim houver necessidade. 
Defendo uma formação a nível "Agulhas Negras", para que Agentes Penitenciários sejam forjados com toda sabedoria e preparo, aptos a resistir às intempéries advindas no decurso da profissão. 
Devemos ter o espírito de um guerreiro para combater o bom combate, e com maestria mostrar a sociedade quão capazes somos no cumprimento da nossa nobre missão. Devemos ter expertise na custodia e promoção de atividades, junto aos técnicos e demais servidores, com fulcro na devolução à sociedade daquelas pessoas que cumprem pena privativa de liberdade. (e queremos que voltem melhores para que sejam úteis a nossa nação).
Somos fortes, lutamos com intrepidez, pois lidamos muitas vezes com pessoas de alta periculosidade, que optaram pelo delito rejeitando o convívio social. Portanto a importância de um treinamento diferenciado para esses profissionais do Sistema Prisional.
Mas o perigo não nos abala. Os bons frutos que produzimos transcendem qualquer barreira. 
Acreditamos em nosso potencial. Estamos crescendo e ganhando espaço lado a lado com toda a segurança pública e iremos avançar mostrando aos nossos governantes que possuímos preparo suficiente para cumprir qualquer desafio que nos for dado. (LFS).

Deixo aqui uma frase de Charles Chaplin:
"Que os vossos esforços desafiem as impossibilidades, lembrai-vos de que as grandes coisas do homem foram conquistadas do que parecia impossível."
(Charles Chaplin)

CRÉDITOS: Luís Fernando
Luís Fernando


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.