sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Suspeitos de assassinar agente penitenciário são presos em MG

Homicídio foi registrado no dia 16 de agosto em Uberlândia.
Gaeco e PM efetuaram as prisões na madrugada desta sexta-feira (18).


Os suspeitos de assassinar o agente penitenciário Edson Ferreira da Silva, de 49 anos, foram presos durante a Operação "Hades", realizada pela Polícia Militar (PM) e pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado de Uberlândia (Gaeco). As prisões foram feitas nesta sexta-feira (18). Com isso, foi desarticulada uma quadrilha de tráfico de drogas e outros crimes.
Durante uma coletiva no Ministério Público Estadual (MPE), o comandante da 9ª Região de Polícia Militar (RPM), Volney Marques, falou sobre a investigação. "Iniciamos o levantamento em cima de informação sobre a morte do agente penitenciário e pudemos trazer tudo de forma concreta para o Ministério Público e Gaeco para desvendar essa quadrilha", disse.
Foram apontados o condutor da moto e o suspeito de atirar contra o agente penitenciário. A moto e a arma usadas no crime também foram apreendidas. Ainda segundo a PM, não foi apresentada a irmã do suspeito de atirar no agente. Ela foi presa em Tupaciguara e foi quem avisou o momento em que a vítima saiu do serviço.
A ação contou com a participação de promotores de Justiça, policiais militares e policiais rodoviários federais. As diligências tiveram início por voltas das 5h e envolveram cerca de 90 policiais militares e 27 viaturas. Ao todo, foram cumpridos 15 mandados de prisão preventiva e 16 de busca e apreensão em Uberlândia, resultando na apreensão de vários materiais, incluindo a motocicleta usada no dia do crime pelos autores. A mesma quadrilha é suspeita de matar uma agente penitenciária em Uberaba, em julho.
Coletiva suspeitos de matar agente penitenciário em Uberlândia (Foto: Leandro Moreira/G1)
Motocicleta usada no crime também foi apreendida (Foto: Leandro Moreira/G1)
Homicídio
A vítima saía do Presídio Professor Jacy de Assis, onde trabalhava, quando foi assassinada a tiros na noite do dia 16 de agosto, próximo à Avenida Anselmo Alves do Santos, em Uberlândia.

O agente foi encontrado caído ao solo com vários ferimentos, chegou a ser socorrido e levado ao pronto-socorro do Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU), mas não resistiu. Testemunhas alegaram se tratar de dois autores em uma motocicleta de cor escura. O condutor da moto emparelhou os dois veículos e, em seguida, o autor da garupa efetuou os disparos contra o agente.
A Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) informou que Edson era servidor da Seds desde 16 de outubro de 1998, quando ingressou como agente de segurança penitenciária por contrato administrativo.
FONTE: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.