quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Agentes Penitenciários do Serviço de inteligência frustra mais uma tentativa de tráfico no Presídio

HERÓIS ANÔNIMOS DO SISTEMA PRISIONAL

A droga, que estava acondicionada em três sacos plásticos, foi arremessada das margens da BR 491 para o setor de reciclagem do Presídio (que fica dentro do presídio, mas distante das alas onde estão os presos)
O serviço de inteligência do Presídio Guaxupé/Guaranésia frustrou mais uma tentativa de tráfico de drogas no interior da referida unidade. Munida de estratégias dinâmicas, a equipe liderada pelo diretor Renato Oliveira interceptou a entrada de aproximadamente setecentos gramas de maconha, cuja droga seria comercializada no interior da colônia penal. Embora tenha ganhado grande repercussão, tal fato é corriqueiro em praticamente todo o País, onde a criminalidade tenta burlar as regras, mas o sistema prisional mostra-se, na maioria dos casos, eficaz no combate aos delitos (que vêm de fora para dentro).
A droga, que estava acondicionada em três sacos plásticos, foi arremessada das margens da BR 491 para o setor de reciclagem do Presídio (que fica dentro do presídio, mas distante das alas onde estão os presos), onde dez detentos realizam, durante o dia, um curso de construção civil. “É rotina nossa vasculhar toda a área antes de qualquer atividade e, desta vez, não foi diferente. Eu mesmo encontrei a droga, que deve ter sido jogada de madrugada”, ressaltou o agente penitenciário Cássio Donizetti Panucci. Apesar do tóxico encontrado, ninguém foi avistado nas proximidades, tendo o agente acionado a Polícia Militar para registrar boletim de ocorrência (de praxe).
Inaugurado em 22 dezembro 2008, o Presídio Guaxupé/Guaranésia pertence à Subsecretaria de Administração Prisional (SUAPI) e mantém, hoje, duzentos e dezoito detentos, dos quais boa parte cumpre pena por tráfico de drogas. Hoje, a Suapi é responsável por 148 unidades prisionais que abrigam mais de 54,6 mil presos. Com isso, 92% de toda a população carcerária do Estado já está sob a responsabilidade da Subsecretaria de Administração Prisional. Para este ano, segundo consta, serão investidos, ainda, R$ 111 milhões na ampliação e construção de unidades prisionais, criando 4.591 novas vagas. CLIQUE AQUI e saiba mais sobre a SUAPI.

FONTE: http://www.jornaljogoserio.com.br/noticias-de-guaxupe/policiais/11036-servico-de-inteligencia-frustra-mais-uma-tentativa-de-trafico-no-presidio

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.