sexta-feira, 31 de outubro de 2014

'Rei da cachaça' tumultua Fórum de Salinas durante audiência Antonio Eustáquio Rodrigues, de 66 anos, prestou depoimento em audiência de instrução e julgamento



O Fórum de Salinas, no Norte de Minas, teve uma grande movimentação, na quinta-feira, com as presenças de moradores exibindo cartazes e curiosos. A situação atípica na porta do fórum foi provocada pela presença do empresário Antonio Eustáquio Rodrigues, de 66 anos, considerado o maior produtor de cachaça artesanal do país, que está preso preventivamente na Penitenciária de Teófilo Otoni e foi levado a Salinas para prestar depoimento no processo que responde pela suspeita de crimes sexuais e tentativa de homicídio contra adolescentes. Nos próximos dias, ele deverá retornar ao Forum de Salinas novamente, para outra audiência.


O “rei da cachaça” está preso desde 12 de agosto, quando foi detido na sede de sua empresa em Salinas. Inicialmente, ele foi levado para a cadeia pública de Pedra Azul. No dia 20 de agosto, foi transferido para a Penitenciária de Teófilo Otoni.


Rodrigues é acusado de crimes sexuais por dois adolescentes – uma menina de 15 anos e um garoto de 14. Em depoimentos ao Ministério Publico Estadual e à Policia Civil, os dois adolescentes disseram que o empresário os convidou para ir ate fazenda dele, no município, onde teria acontecido contato sexual com os menores. A defesa de Rodrigues nega a acusação e argumenta que mesmo que o encontro tenha ocorrido, o fato não configura crime de estupro de vulnerável ou pedofilia, porque os dois adolescentes têm mais de 14 anos.



O empresário - que criou as marcas "Seleta" e "Boazinha", conhecidas nacionalmente - teve a prisão preventiva decretada porque também pesa contra ele a suspeita de tentativa de homicídio, baseada em um vídeo. Mas a defesa também alega que não há evidência de tentativa de homicídio na filmagem.



Foi realizada uma audiência de instrução sobre a acusação de crimes sexuais. Além do empresário – que nega todas as denúncias, foram ouvidos um representante do Conselho Tutelar dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes de Salinas e as testemunhas de acusação e de defesa. A audiência foi conduzida pelo juiz Leonardo Vieira Rocha, que responde pelo caso. Ontem, a reportagem tentou, mas não conseguiu contato com o advogado Mauricio Campos, que defende Rodrigues. Nos próximos dias, deverá retornar ao Fórum de Salinas, para audiência sobre a acusação de tentativa de homicídio.



Além de grande produtor de cachaça, Antonio Rodrigues é uma figura publica em Salinas, onde sempre ajudou pessoas carentes, tornando-se uma espécie de “pai dos pobres”. Por isso, desde o dia da sua prisão, mesmo com a Policia Civil afirmando que reuniu provas, muitos moradores se manifestaram favoravelmente ao empresário, dizendo que acreditam na inocência dele.



Ontem, as manifestações de apoio ao “Rei da cachaça” voltaram se repetir. Antonio Rodrigues chegou ao local, algemado, num carro da Escolta Tática Prisional (Getap). A barba grande, que sempre uma das “marcas” conhecidas de Rodrigues ficou na memória. Com qualquer outro integrante do sistema prisional, ele teve o cabelo raspado e a barba feita, usando roupa vermelha.



Assim que o empresário, demonstrando estar abatido e nove quilos mais magro, desceu do carro, foi aplaudido pelo grupo de pessoas que se concentram na porta do fórum. Várias delas exibiram cartazes de apoio ao empresário. “quem aceita a injustiça, sem protestar, coopera com ela”, dizia um cartazes. Outras mensagens diziam: “Tone, Deus irá com o tempo certo e com justiça” e “Tone seja forte e corajoso. Deus está contigo”. No início, eram cerca de 20 pessoas e depois, chegaram outros curiosos e moradores, totalizando aproximadamente 50 moradores na porta do Fórum de Salinas. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.