quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Preso acusado de homicídio e tripla tentativa de assassinato R.C.P.S., DE 22 ANOS, AINDA TERIA ROUBADO UM TÁXI COM A NAMORADA E USADO NOS CRIMES. ELE FOI OUVIDO NA MANHÃ DE ONTEM, NA DELEGACIA


SUSPEITO FOI preso na última sexta feira e apresentado ontem para a imprensa

GOVERNADOR VALADARES -
A Delegacia de Homicídios ouviu na manhã desta terça-feira, 16, R.C.P.S., de 22 anos. Ele é acusado de ter matado Vandelci Honorato Filho, de 21 anos, em junho deste ano, no centro da cidade. Na ocasião, Valdeci foi encontrado debaixo da ponte da Ilha. O rapaz foi preso na última sexta-feira, 12, porém, só foi ouvido na manhã desta terça. Ele também é acusado de ter atirado em uma testemunha do caso e em duas pessoas no mês de agosto.
Durante coletiva de imprensa na manhã de terça-feira, 12, o delegado Fábio Sfalcin esclareceu que logo após a morte de Vandelci Honorato Filho foi instaurado um inquérito policial e o principal investigado era R.C.P.S. Ele foi até a delegacia juntamente com o advogado e confessou ter assassinado Valdeci. Dias depois, o suspeito tentou matar uma testemunha do caso.
“Passadas algumas semanas, uma testemunha prestou depoimento e acusou R.C.P.S. de ser o autor do crime. Em virtude desse depoimento, acabou acontecendo três tentativas de homicídio na cidade. No início das investigações, as vítimas trouxeram informações no sentido de que o autor seria o próprio investigado, que na ocasião estaria fazendo retaliação em relação a esse depoimento”, explicou o delegado.
Antes de cometer as três tentativas de homicídio, o suspeito roubou o veículo de um taxista. “Conseguimos constatar que R.C.P.S., juntamente com sua namorada, de 22 anos, praticaram um crime de roubo. O casal solicitou uma corrida de táxi até o Conjunto Sir e roubou o veículo desse taxista. Esse táxi foi utilizado nas três tentativas de homicídio, sendo que uma das vítimas foi a pessoa que prestou depoimento contra R.C.P.S, deixando bem claro que ele teria como objetivo eliminar uma das testemunhas”, explicou.
O delegado esclareceu que R.C.P.S. teria matado Vandelci Honorato Filho porque a vítima namorou sua atual namorada. “No homicídio, o suspeito confessou que estava sozinho. Já nas tentativas de homicídio ele estava na companhia da namorada e de outra pessoa que ainda não identificamos, mas já está sendo apurado. A namorada dele também está sendo investigada pelo crime de roubo, uma vez que estava junto com ele no dia do crime.”


Leia mais em: http://www.drd.com.br/news.asp?id=50089100059553114175#ixzz3Dcxdj8OL

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste blog correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor deste blog.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.